A Saúde, o Governo, os Pais e Educadores, tem que acordar para o que está acontecendo no País



Quinta, 14 de março de 2019 18:01

Onde estão nossas crianças e jovens

A Saúde, o Governo e os Pais e Educadores, tem que acordar para o que está acontecendo no país, não podemos mais aguentar, vermos este movimento de consequências diárias de feminesídios, a agressividade, tomando conta da razão.

Mortes nas escolas e suicídios, consequências também de Bullinkg, porque não proibir apelidos nas escolas e em casa, e usar a prevenção.

Onde estão nossas crianças e jovens, nas suas horas de folga, jogando na maioria das vezes jogos inapropriados para sua idade ou nas redes sociais vendo coisas que não caberia a sua idade estar vendo, por não terem o desenvolvimento mental completo, isso é muito sério.

Mas ai, para alguns pais e cuidadores, eles neste momento não estão incomodando, estão lá, vocês os veem de longe, estão na sua visão, mas não sabem o que passa no olhar deles, e também quando não estão por perto o eles estão olhando, em seus quartos, aprendendo e nos jogos, praticando. Como o simulador nas Auto-Escolas treinam seus futuros motoristas. Uma possibilidade de monitoração é por o compudator na sala, onde todos podem ver o que estão assistindo e jogando, hoje com fones de ouvidos, o barulho é opcional, então pais vamos ajudar nossos pequenos a ter uma boa formação e em casa dependem de vocês adultos.

Comecem a fazer estas leituras de como podem estar sem querer, induzindo sem querer as crianças e adolescentes a atos inapropriados, pela atividade contínua de alguns tipos de jogos agressivos com mortes, que ganham pontos por fazê-las.

Há mais é apenas um joguinho. Ei cadê a censura por idade adequada, está tudo liberado, teria que ter lei para quem pode e também, ser adulto para ter o acesso á jogos violentos, assim como tem para porte de arma, pois se torna uma prática virtual, digital. Tá bom, então me diga: quando você escuta uma música muitas vezes durante o dia, depois passa a não escutar mais, só que a música fica na sua cabeça o resto do dia, não é. Pense com carinho nisso. Outra: as mortes/suicídios no trânsito, sabiam que as pessoas as vezes usam o carro como arma também, descarregam toda a sua raiva e frustrações no volante e no acelerador.

Então minha gente não podemos mais separar o corpo do cérebro e comportamentos estão diretamente envolvidos o tempo todo, onde os comandos de corpo dependem de estímulos cerebrais, por isso entra um conjunto de sentidos, táteis, auditivos, visuais, alfativos, motores, emocionais e esses comandam todo o nosso, o seu ser.

Então somos razão, emoção e corpo, porque se pensarem aqueles jovens que praticaram aquela atrocidade ontem na escola, não foi porque estava com dor de barriga, que as cometeram. E sim, estavam precisando de um profissional como nós, é isso que trabalhamos em terapia, suas perdas, seus traumas, seus problemas, suas frustrações, suas tristezas, e tudo mais que mobilizaram cada um. Dai a importância da nossa profissão em todas as áreas da saúde e da sociedade. Com isso minha gente, vamos entender que mente e corpo são um só e precisam igualmente da mesma manutenção.

Autora: Psicóloga/Especialista/Perita Linda Hertzing

 


Cadastre-se para receber dicas exclusivas
Informe seu e-mail ao lado
Endereço
Av: Argolo, 40 - Centro
São Bento Do Sul - SC
Fone
47 3633-0695
47 9654-9083
Irmalinda Hertzing • CRP: 12/08150 • Psicóloga especialista em Avaliação Psicológica